vossblues.no Parajumpers jakke Norge canada goose jacket sale canada goose jakker dame doudoune canada goose homme manteau canada goose pas cher canada goose jacket sale billiga canada goose jackor

:: Sabaranet.com.br :: O Portal de Sabará :: CRIANÇAS TROCAM CARTAS, SONHOS E SOLIDARIEDADE :: REDAÇÃO ::
 

Veja todos os serviços de TELE-ENTREGA de Sabará
VEÍCULOS - CARROS
VEÍCULOS ANUNCIOS
CONSULTE

IMÓVEIS - LOTES
TERRENO - CENTRO HISTÓRICO
CONSULTE

IMÓVEIS - LOTES
PROCURO NO SCHARLÉ
CONSULTE

OUTROS
SUA MAIS NOVA OPÇÃO EM SABARÁ!
CONSULTE

INFO - OUTROS
DIGITAÇÃO EM GERAL PARTICULAR E EMPRESA
CONSULTE

Inclua seu anúncio GRATUITAMENTE*
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

E-Mail:
Assinar
Remover


 
CAPA

CRIANÇAS TROCAM CARTAS, SONHOS E SOLIDARIEDADE
 
 
           Na era digital, escrever cartas virou coisa do passado. Hoje, as crianças com acesso à informática estão substituindo a prática de escrever cartas por e-mails ou bate-papo na internet. Para não deixar que o hábito se perca, o Colégio Augustus está envolvido em um projeto que resgata a prática de escrever cartas e incentiva a solidariedade.

 

            Os alunos do Ensino Fundamental estão se correspondendo com outras crianças de duas escolas da Barra do Guaicuí, distrito de Várzea da Palma a 360 km de Sabará. A Barra está próxima ao encontro do Rio das Velhas com o São Francisco, sendo, portanto, um lugar privilegiado e de grande beleza. Porém, por trás dessa riqueza natural, a Barra é um lugar muito carente financeiramente. Com esses contrastes, os alunos trocam informações culturais e experiências de vida. A idealizadora do projeto, Fanny de Fátima Melo, moradora de Sabará e que constantemente visita a Barra do Guaicuí conta como surgiu a idéia. “Visitei as escolas municipal e estadual do distrito e senti a necessidade de ajudar. O Colégio Augustus já desenvolve um trabalho solidário com creches de Sabará e, por isso, pedi que eles me ajudassem com as escolas daqui da Barra”. Fanny ressalta também, que o motivo primordial é sensibilizar as crianças com os problemas do próximo, para que no futuro, sejam adultos justos e generosos.

         A coordenadora pedagógica do Colégio Augustus, Luzia Ferreira Umbelino Borges, diz que as diferenças sociais entre as crianças da Barra do Guaicuí e de Sabará são enormes. “Nossos alunos têm contato com computadores, DVD, celular e muitas outras coisas que são tão distante da realidade dos meninos da Barra. O sonho das crianças de lá é ganhar um celular ou uma bicicleta, mesmo sendo usada, enquanto aqui, nossas crianças têm tudo isso com facilidade. Outro dia, chegou uma carta de um menino que mora em um acampamento sem-terra e que a sua casa era um pedaço de lona. Muitos relatam que não têm água e alimentação adequada”, explica a coordenadora.      

         Luzia contou que algumas cartas foram lidas em sala de aula e que os alunos ficaram sensibilizados com os relatos e se empenharam em ajudar com doações. Já enviaram pela segunda vez, roupas, calçados, cestas básicas e cadernos. A coordenadora fala do entusiasmo das crianças. “Queremos ajudar para que as diferenças diminuam. As crianças estão adorando e está sendo um trabalho positivo tanto por elas estarem sensibilizadas em ajudar quanto pelo resgate do hábito de escrever cartas”.

         A escrita dos alunos da Barra está sendo muito elogiada pela professora de português do Colégio Augustus, Edna Umbelino. “Eles têm um enorme cuidado com o português e com a forma de tratar as pessoas. Também descrevem os problemas e a paisagem de forma poética”, elogia a professora.

 

         Em nota à Folha de Sabará, a direção da Escola Municipal Professora Dulce Lopes de Oliveira Mota, da Barra do Guaicuí, comentou que os alunos estão muito satisfeitos com o projeto. “Muitos não gostavam de escrever e tinham dificuldades em se relacionar com os colegas. Agora esses entraves já não são mais problemas. Com as cartas as crianças têm a oportunidade de refletir sobre a vida que levam, com suas vantagens e desvantagens. Passaram a reconhecer a cultura local como algo importante e que merece ser preservado e divulgado”. Já para a Escola Estadual de Guaicuí, a proposta promove em todos os participantes a importância do trabalho coletivo, despertando em cada um a valorização da vida.

         O projeto continuará e o próximo passo será levar os alunos do Colégio Augustus para conhecer a Barra. “Iríamos até Pirapora de ônibus e desceríamos até à Barra do Guaicuí em uma embarcação de passageiros no Rio São Francisco para conhecermos os amigos de lá e toda a riqueza ambiental da região”, comenta a coordenadora do colégio sabarense.

 

 
Edição: 649
Postado em: 10/19/2007 10:48:30 AM
Anuncios Sabaranet | Fone: 31 8590-4080
     

 

     


Veja mais notícias

 

Estrada Real

 

 

.

Visitantes on-line: 2168

.
.
aa
aa

.